domingo, 7 de fevereiro de 2010

Flores



A beleza transitória da matéria passa depressa.
Procure sondar a beleza interna das pessoas com quem convive.
Há flores belíssimas e perfumadas, que só duram poucas horas.
No entanto, apesar de feias, as pedras duram milênios, realizando suas tarefas.
Não seja, pois, leviano.
Não prefira o efêmero ao eterno, a beleza à Sabedoria.
Firme-se no que dura para sempre, que é o Espírito Imortal, nosso verdadeiro EU, e não no que cedo desaparece.


(Torres Pastorino)

2 comentários:

Me permita disse...

Olá, querida! Já disponibilizei para vc me seguir...

"Não prefira o efêmero ao eterno, a beleza à Sabedoria.
Firme-se no que dura para sempre, que é o Espírito Imortal, nosso verdadeiro EU, e não no que cedo desaparece".

Linda frase! Bjo!

Carlinha Flor disse...

Obrigadaa, Eu achei muito lindo essa parte tbm..
Beijinho